30/08/2018 às 13h00min - Atualizada em 30/08/2018 às 13h00min

Exportação elevada e baixa oferta de animais sustentam arroba do boi gordo

Segundo pesquisadores do Cepea, a menor oferta de boi gordo nas últimas semanas também se deve ao desestímulo de parte de produtores em confinar animais neste ano, especialmente devido aos altos preços da ração.

As cotações da arroba do boi gordo seguem em alta, refletindo a baixa oferta de animais prontos para abate neste período de entressafra.

Segundo pesquisadores do Cepea, a menor oferta de boi gordo nas últimas semanas também se deve ao desestímulo de parte de produtores em confinar animais neste ano, especialmente devido aos altos preços da ração.

Além disso, o dólar em patamar elevado tem estimulado as exportações brasileiras de carne bovina e, consequentemente, elevado a demanda de alguns frigoríficos, que buscam lotes de animais específicos para o mercado internacional.

Já no atacado, a procura segue baixa, limitando as valorizações da arroba – vale lembrar que os preços de carnes substitutas, como a suína e a de frango, estão bastante competitivos frente à bovina.

No acumulado parcial de agosto (31/7 a 29/8), o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa registra alta de 3%, e nos últimos sete dias, de 0,8%, com média de R$ 146 nessa quarta-feira, 29. Fonte: Cepea

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://ibatibaonline.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp