19/07/2021 às 19h10min - Atualizada em 19/07/2021 às 19h10min

Mapa de Covid-19: Ibatiba sai do Risco Moderado para o Risco Baixo

Dos 78 municípios capixabas, apenas Alegre, Divino de São Lourenço, Ecoporanga, Ibitirama, Iúna e Mantenópolis estão em Risco Moderado.

Praças da cidade são isoladas para evitar aglomerações e conter casos de Covid @ PMI
Depois de algumas semanas em Risco Moderado para o contágio pelo novo Coronavírus, Ibatiba está, a partir desta segunda-feira (19), em Risco Baixo, conforme o 64º Mapa de Risco Covid-19 anunciado pelo Governo do Estado, na sexta-feira (16). A nova classificação vale até o domingo (25), em um mapa que mostra praticamente todo o estado em verde, do Risco Baixo. Dos 78 municípios capixabas, apenas Alegre, Divino de São Lourenço, Ecoporanga, Ibitirama, Iúna e Mantenópolis estão em Risco Moderado. Não existem municípios em Risco Alto.

O governador Renato Casagrande anunciou o novo mapa, dizendo que os resultados que apresentam queda no número de casos são frutos de medidas que foram tomadas, pelo Governo do Estado, desde o início da pandemia, quando foi escolhido o melhor caminho, embora não tenha sido o mais fácil. “Tomamos a decisão certa, mesmo que tenha sido muito antipática. Passamos o último ano e meio tomando decisões difíceis e sendo criticados. Pagamos o preço para colher os frutos e salvar vidas. Ninguém imaginou uma situação dessa, mas graças ao bom Deus, estamos conseguindo fazer uma boa gestão de pandemia”, disse.
 

Desta forma, a Prefeitura de Ibatiba publicou o decreto n° 67/2021 que define as medidas qualificadas de enfrentamento à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). E, mesmo em Risco Baixo, conforme a Portaria 13-R, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), de 23 de janeiro, continua sendo obrigatório o uso de máscaras e a higienização, como medidas de proteção, além de ser mantida a recomendação para que pessoas dos grupos de risco permaneçam em distanciamento social. Assim como boates continuam proibidas de funcionar e cinemas, teatros, circos e similares precisam respeitar o limite máximo de uma pessoa a cada 10 m². O mesmo limite vale para estabelecimentos comerciais, galerias e centros comerciais, sem restrição de horário de funcionamento.

As atividades nas academias devem respeitar o limite de um aparelho e usuário a cada 12 metros quadrados (m²) de área de salão, garantindo espaçamento mínimo de 4 metros entre os aparelhos e usuários. E as atividades não aeróbicas, com aparelhos fixos, devem respeitar o limite de um aparelho e usuário a cada 10 m² de área de salão, garantindo espaçamento mínimo de 3 metros entre aparelhos e usuários. Já as atividades não aeróbicas em aulas coletivas devem respeitar o limite de uma pessoa a cada 8 m² de área de salão, incluindo o professor e garantindo espaçamento mínimo de 2,5 metros entre as pessoas.

Há algumas proibições, como as piscinas de bolinhas em espaços de recreação infantil e atrações infantis em espaços confinados e brinquedos fechados. E os eventos corporativos, acadêmicos, técnicos e científicos passam a não ter limite de público, respeitada a metragem de 5 m² por participante. Assim como, os eventos esportivos passam a ter o limite de público de 40% da capacidade do local ou de 300 torcedores – o que for menor – e os eventos sociais podem acontecer também com um público máximo de 300 pessoas, desde que não ultrapasse o limite de uma pessoa a cada 5 m². Mesmo limite de pessoas para shows e outros eventos afins.

Confira a classificação de todos os municípios capixabas:
Risco Baixo: Afonso Cláudio, Água Doce do Norte, Águia Branca, Alfredo Chaves, Alto Rio Novo, Anchieta, Apiacá, Aracruz, Atílio Vivácqua, Baixo Guandu, Barra de São Francisco, Boa Esperança, Bom Jesus do Norte, Brejetuba, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Castelo, Colatina, Conceição da Barra, Conceição do Castelo, Domingos Martins, Dores do Rio Preto, Fundão, Governador Lindenberg, Guaçuí, Guarapari, Ibatiba, Ibiraçu, Iconha, Irupi, Itaguaçu, Itapemirim, Itarana, Jaguaré, Jerônimo Monteiro, João Neiva, Laranja da Terra, Linhares, Marataízes, Marechal Floriano, Marilândia, Mimoso do Sul, Montanha, Mucurici, Muniz Freire, Muqui, Nova Venécia, Pancas, Pedro Canário, Pinheiros, Piúma, Ponto Belo, Presidente Kennedy, Rio Bananal, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina, Santa Maria de Jetibá, Santa Teresa, São Domingos do Norte, São Gabriel da Palha, São José do Calçado, São Mateus, São Roque do Canaã, Serra, Sooretama, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante, Viana, Vila Pavão, Vila Valério, Vila Velha e Vitória.

Risco Moderado: Alegre, Divino de São Lourenço, Ecoporanga, Ibitirama, Iúna e Mantenópolis
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://ibatibaonline.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp