23/08/2021 às 13h17min - Atualizada em 23/08/2021 às 13h13min

Pós-operatório da Lipo HD requer atenção do paciente, observa Dr. Dalvo Neto

Fazer uma cirurgia plástica não é algo fácil. Mas, para ter o melhor resultado o paciente precisa de tomar alguns cuidados, como observa o médico cearense Dr. Dalvo Neto.

MF Press Global - ibatibaonline.com.br

Fazer uma cirurgia não é algo fácil. Afinal, por mais que os procedimentos estéticos estejam cada vez mais modernos, o conceito de um tratamento deste é claro: O corpo passa por alguma alteração em sua estrutura e isso afeta o organismo de alguma maneira. Por isso, é necessário que o paciente saiba se cuidar para ter os melhores resultados daquele procedimento que foi feito.

 

Uma das cirurgias que estão sendo mais procuradas atualmente é feita pelo cirurgião plástico de Fortaleza, Dr. Dalvo Neto: a Lipoaspiração de Alta Definição, ou simplesmente Lipo HD. Ele revela qual é o perfil indicado de quem pode passar por este procedimento: “É um questionamento bem frequente nos consultórios é sobre as indicações da lipo de definição. De princípio, afirmamos que a lipo LAD é mais indicada para pessoas que já são praticantes de atividades físicas, tem um hábito alimentar saudável e principalmente não tem flacidez e excedente cutâneo importante”.

 

No entanto, não é qualquer pessoa que pode se submeter à tal operação, pondera Dr. Dalvo: “O importante de todo procedimento médico é a sua adequada indicação. Nós médicos temos a obrigação ética de elucidar pontos pertinentes a cada opção cirúrgica, ou seja, se uma paciente é sedentária, tem um hábito alimentar incorreto, já tem uma pele flácida e em excesso decorrente de processos anteriores de ‘efeito sanfona’, gestações com variação grande ponderal; não adianta indicar um procedimento altamente específico de pessoas que já tem o hábito de cuidados com sua estrutura corporal”.

 

Especialista neste tipo de procedimento, Dr. Dalvo revela como os pacientes devem se comportar após a cirurgia: “Nos casos aonde foi indicada a lipo LAD alguns protocolos são recomendados, como a utilização de drenos pode ser factível para se alcançar um resultado mais precoce como a diminuição de líquidos no 3 espaço (edema). O trabalho em conjunto com uma profissional fisioterapeuta habilitada em pós-operatório, com a utilização de protocolos como o uso de Taping (que causam a drenagem cutânea orientada). Pode ser direcionada ao acompanhamento de um profissional Nutricionista para elaboração de um protocolo dietético nas fases da cirurgia (inicial, estabilização e tardia de pós-operatório). Orientação por um profissional educador físico com a elaboração de um protocolo direcionado as etapas cirúrgicas (de início readaptação no pós-cirúrgico as atividades físicas após a cirurgia, depois início das cargas musculares e, por último, o trabalho de estruturas musculares localizadas)”.

 

Dr. Dalvo segue com as recomendações: “A hidratação é fundamental para manutenção da homeostase, por isso o melhor é ingerir de 4 a 5 litros de água. E. por último e não menos importante, utilize malhas compressivas (aquelas cintas cirúrgicas) que tem um tipo específico em cada período pós-operatório (cinta completa os primeiros 15-30 dias, depois o uso de corselet, a utilização de cintas específicas durante as atividades físicas) por um período prolongado por um período de 6 meses para adequada estabilização da superfície cutânea lipada à área muscular onde a pele vai servir de cobertura. Enfim, o pós-operatório é fundamental para um bom resultado de uma Lipo de alta definição para um resultado agradável e que pode ser mantido por muitos anos. É importante a busca de um cirurgião plástico habilitado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) para elucidar maiores dúvidas acerca do tema”, completa o médico.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://ibatibaonline.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp