17/06/2019 às 20h51min - Atualizada em 17/06/2019 às 20h51min

Polícia identifica suspeitos de matar fisioterapeuta em Ibatiba

A principal linha de investigação é de que a jovem foi vítima de latrocínio.

Jéssica de Assis Marques, de 23 anos/Arquivo Pessoal

A Polícia Civil disse que já identificou dois suspeitos do assassinato da fisioterapeuta Jéssica de Assis Marques, de 23 anos. O corpo dela foi encontrado nesta segunda-feira (17), em uma estrada que dá acesso à comunidade de Santa Maria, no interior de Ibatiba, no Espírito Santo. A principal linha de investigação é de que a jovem foi vítima de latrocínio.

Jéssica atuava como fisioterapeuta da Apae de Ibatiba. Segundo a polícia, ela voltava de Vitória, na noite deste domingo (16) e, ao passar pela estrada, teria sido surpreendida por um criminoso, que atirou. Em seguida, ela tentou fugir e acabou parando em uma matagal. Jéssica não resistiu e morreu.

“Ela foi alvejada do lado esquerdo para o lado direito. Foi um tiro só. A dificuldade que nós temos é que não sabemos o calibre, porque o projétil se perdeu. Acreditamos que ela não se rendeu aos autores do crime”, disse o delegado Cláudio Araújo.
Policiais periciaram o local do crime, em Ibatiba — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Policiais periciaram o local do crime, em Ibatiba — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Policiais periciaram o local do crime, em Ibatiba — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

A polícia acredita que ela foi assassinada durante uma tentativa de assalto e já identificou dois suspeitos do crime.

“Começamos a levantar as câmeras da região, desde o horário do desaparecimento até o horário que foi encontrada, e a partir daí começamos a levantar os possíveis autores do crime. Fomos a casa desses autores, tentamos um cerco, mas eles foram favorecidos pelo pai e pela mãe e conseguiram se evadir em duas motos. Já foi feito contato telefônico com eles e estamos esperando eles se apresentarem”, disse o delegado.

Diante da perda, a família pede justiça. “A família está sofrendo com a perda de uma jovem. Uma jovem linda, que estudou, foi para Vitória, lutou. Vou pedir diretamente as autoridades para buscar a verdade e esclarecer esse crime”, disse um tio da vítima, Luiz Cândido.

O enterro está previsto para acontecer nesta terça-feira (18), às 16h, no cemitério público de Ibatiba. Com Informações do G1 ES


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://ibatibaonline.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp